18 fevereiro 2010

Antes de voltar ao BBB, Marcelo Dourado trabalhou como operário

A alegria do lutador Marcelo Dourado, escolhido pela ex-Miss Joseane de Oliveira, para voltar ao BBB tem explicação. Antes de receber o convite para retornar à atração, o gaúcho passou uma temporada de seis meses trabalhando como operário em uma fábrica de frutas na Nova Zelândia. Amigos do polêmico brother contam que Dourado sofreu com a falta de dinheiro do outro lado do mundo."Ele ralou muito lá. Na verdade, ele não estava conseguindo participar de muitas lutas aqui no Brasil e foi para a Nova Zelândia trabalhar como barman e segurança. Mas o emprego não dava um bom retorno e para ganhar mais teve que trabalhar com a comercialização de frutas. Ele era responsável pela seleção de frutas que seguiam para o consumo", explicou um amigo do lutador, Gabriel Reis. Após a tentativa fracassada de trabalhar na Nova Zelândia, Marcelo Dourado retornou para o Brasil e passou a trabalhar como professor de boxe em academias da Zona Sul e da Zona Oeste do Rio de Janeiro.A amiga e empresária Aline Antonoff conta que anos depois de participar do BBB4, Dourado bateu na porta de muitas academias em busca de emprego. "Ele saía com vários currículos embaixo do braço e ia batendo na porta das academias oferecendo seus serviços. Mesmo seis anos depois de participar do BBB ele ainda era lembrado pelas pessoas, que lotavam suas aulas de boxe", contou Aline.Aline diz ainda que Dourado encarou a proposta de retornar ao BBB como uma tentativa de mostrar às pessoas que mudou. "Na primeira vez, ele ficou marcado como um cara bad boy. Mas na verdade ele amadureceu muito e merece ser valorizado por sua inteligência. Ele lê muito sobre história e tem uma conversa interessante" defendeu a amiga.Dourado parece ter voltado mesmo inspirado ao BBB 10. O lutador conversou e polemizou com os outros brothers da casa sobre o símbolo da suástica, a história dos samurais e até mesmo as pinturas de Boticelli. Apesar de querer mostrar seu lado culto, o rapaz ainda é visto pelos outros participantes da casa como um encrenqueiro. Dourado foi o principal alvo dos confinados, mas, salvo pelo colar de anjo doado por Joseane, não pode ser votado."Infelizmente não sei se ele consegue chegar à final por justamente as pessoas acharem que ele já teve sua chance. Mas ele sem dúvida merece esse prêmio de R$ 1,5 milhão do programa", declara Gabriel. A amiga Aline, que é casada com um colega de infância de Dourado, admite que o lutador já tem planos para quando sair da casa. "Ele vai tentar voltar a competir torneios de vale tudo. Ultimamente, ele não estava conseguindo conciliar os treinos com o emprego e talvez, ele agora tenha de novo essa oportunidade", finaliza Aline. Procurado pela equipe do TC, o pai de Marcelo Dourado, conhecido pelo mesmo apelido, preferiu não comentar a participação do fiho no programa. Ele disse que tem problemas no coração e evita assistir ao reality.
http://yahoo.tecontei.com.br/bbb/ele-ralou-68329.html

0 comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
 
↑Top