26 maio 2012

Pisos vinílicos: práticos de aplicar e de usar


O revestimento é antiderrapante e hipoalergênico, ideal para ambientes com crianças e idosos


Pisos vinílicos: práticos de aplicar e de usar Tarkett Fademac,Divulgação/Casa&Cia

De espessura variável (dependendo do fabricante), também pode ser instalado sobre contrapiso, desde que a área esteja regularizada, sem ondas ou depressões, limpa e isenta de qualquer umidadeFoto: Tarkett Fademac,Divulgação / Casa&Cia
Neste ano, a evolução dos pisos vinílicos – feitos à base de PVC, disponíveis em mantas, placas ou réguas – incluiu modelos com aplicação que prescinde do uso de cola. Os produtos lançados recentemente funcionam como réguas macho e fêmea que se encaixam sem a necessidade de adesivo, podendo ser liberados para o uso imediato após o assentamento. 
Outra evolução dos novos pisos vinílicos é a possibilidade de serem instalados em áreas como banheiros ou cozinhas. Em caso de alagamentos, permitem ser retirados, passar por uma secagem industrial, e ser reinstalados. Os vinílicos ainda podem ser assentados sobre pisos reexistentes, como cerâmicas e lajotas. Isso requer, no entanto, a aplicação de uma massa niveladora. É claro que é necessário avaliar a altura final do ambiente em relação inclusive aos demais da casa. 
Além da instalação rápida e da limpeza simples, os produtos têm opções de texturas, cores e acabamentos, como os modelos com estampas e os que imitam madeira. Entre as vantagens desse tipo de produto está a de que, se comparado ao laminado, não produz o som de toc-toc durante o uso, além de ser atérmico, ou seja, não troca calor com o usuário e deixa o ambiente agradável. 
Como qualquer revestimento, os materiais vinílicos exigem cuidados tanto no uso quanto na manutenção: é recomendado evitar arrastar móveis pesados sobre esses pisos. Para maior cuidado, há o recurso de usar feltro nas extremidades do mobiliário ou acessórios existentes no mercado para evitar arranhões ou rompimentos. 
Com esses atributos de funcionalidade e estética, os pisos vinílicos, com percentuais variáveis de PVC na sua composição, têm conquistado espaço como uma opção tanto para ambientes profissionais quanto para residenciais. 

SAIBA MAIS
– De espessura variável (dependendo do fabricante), também pode ser instalado sobre contrapiso, desde que a área esteja regularizada, sem ondas ou depressões, limpa e isenta de qualquer umidade.

– Proporciona conforto acústico e diminui a propagação de ruídos no andar inferior.

– Tem boa resistência a agentes químicos de uso comum, mas o ideal é sempre seguir as recomendações do fabricante.

– É uma excelente opção para obras que precisam ser rápidas.

Fonte: Estúdio de Revestimentos Luiza Pilau e Tarkett Fademac
ZERO HORA


* * * Se você gostou do meu blog, por favor, siga-me via Google Friend Connect (canto superior direito) , via Bloglovin.***
***No Facebook e no Twitter.***

¸.•°*”˜˜”*°• ..¸.•°*”˜˜”*°•.☻/ღ˚ •* ♥ ˚ ˚✰˚ ˛★* ღ˛° * °♥ ˚ • ★ *˚ ./*˛˚ღ •˚ ˚ ✰✰˚* ˚ ★/ \ ˚. ★ *˛ ˚♥* ✰˚ ˚* ˛˚ ♥ 。✰˚* ˚ ★`⋎´✫¸.•°*”˜˜”*°•✫..✫¸.•°*”˜˜”*°•.✫°

0 comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
 
↑Top